quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

A BÍBLIA E O CONTEXTO

E os que morreram em Cristo estão perdidos. (1 Co 15.18)
Se formos ficar nessa mania de abrirmos a Bíblia e lermos só esse versículo, vamos acreditar que realmente estão perdidos os que morrem, mesmo crentes. Mas não é bem assim, como fica claro no capítulo.
Paulo está falando sobre algo que ocorria na igreja de Coríntios, devido à influência grega, que não acreditava na ressurreição da alma, e que a corpo era uma prisão que impedia que a alma se desenvolvesse.Segundo Heráclito, alma evaporava, e essa crença estava corrompendo a fé dos irmãos gregos.
Nesse ponto Paulo é bem enfático, e explica sobre a ressurreição de um modo lindo. A ressurreição de Cristo foi preciso para concretizar a salvação, pois sem ela não teríamos uma salvação completa. Foi a confirmação que Deus aceitou o sacrifício de Cristo.
Por isso que é importante examinarmos o contexto bíblico, para que não haja um mal entendimento da doutrina cristã. Jamais se deve interpretar a Bíblia apenas lendo um versículo, ou um capítulo, ou mesmo um livro, ela deve ser lida toda. A Bíblia é um só livro, e como devemos interpretar ela por ela mesma, leiamos a palavra olhando o contexto, tanto o imediato quanto o que fica longe.