sexta-feira, 25 de abril de 2014

PODE UM CRISTÃO SER RACISTA?



No ADNEWS, jornal da AD de Recife, de abril, saiu uma matéria sobre o racismo, algo que aconteceu em Brasília e em outro lugar.Uma australiana discriminou uma brasileira num cabeleiro, e foi presa e solta através de um habeas corpus. O racismo ainda está desvairado no Brasil ainda, de modo velado, diferente dos EUA, onde ele é bem evidente, cruel. Mas cruel mesmo é um cristão, transformado pelo evangelho, ser racista, como acontece com alguns que se dizem servos de Cristo. Mas eu duvido que um cristão seja verdadeiro servo de Deus, sendo racista.
Pois bem, mesmo na igreja alguns ainda tratam os irmãos de acordo com a cor da pele, e as roupas, e o sapato que usa. Se for um negro, ele primeiro olha se o livro em sua mão é uma Bíblia, para depois olhar para as roupas e sapatos. Basta a igreja ser frequentada por pessoas de classe média, já olham para você de modo estranho, como se a salvação dele de algum modo fosse superior ao irmão em Cristo. A Bíblia fala que em Cristo somos um, não existindo essa divisão que eles fazem(Gl 3.18). Existe crentes racistas sim, o que é uma vergonha, pois salvo de verdade não age assim. Esses que assim agem são falsos cristãos.
Certa vez, precisei ir a certo lugar para providenciar umas coisas, e havia ali uma irmã, que, ao me ver,parecia que havia visto algo estapafúrdio, e começou a mostrar sinais de medo, como se minha pele determinasse minha conduta e caráter. Aquilo foi  coisa mais absurda que eu vi em minha vida, vinda de uma falsa irmã, pois como disse e agora repito, servo de verdade não age assim, essas pessoas precisam se converter.Outra vez, estava com minha filha e mulher, e outra irmã, vendo que eu era negro, segurou a bolsa, como se eu fosse roubar. A famigerada nem viu que estava com minha filha, e estávamos vestidos a caráter. Tudo que a infeliz enxergou foi minha pele. Essas pessoas esquecem que a mulher de Moisés era uma negra, em Antioquia havia um doutor chamado Níger, o negro, como se traduz o nome, a sulamita era uma negra, "como as tendas de quedar", segundo diz o poeta, e outras relações que há na Bíblia. Tem que ser muito ignorante.O nome morena não procede, nos originais da Bíblia, negra é a tradução real.A noiva de Cristo, portanto, é uma negra muito bonita, queimada pelo sol.

Cristãos racistas precisam se converter! Se aborrecem o irmão, que veem, como amará a Deus, o qual não veem?