quarta-feira, 15 de outubro de 2008

MINHA VIDA NO SAUDOSO CORO LIFE


Minha vida no Life tem sido uma bênção.Cresci muito nesses anos todo.Lembro que quando eu entrei era muito tímido, muito quieto, aquele cara meio deprimido, todo cabisbaixo...Deus tem operado grandes coisas na minha vida; eu cresci muito nesse coro.Eu quase não acredito que eu consegui ultrapassar as barreiras que me cercavam e impediam que eu crescesse.Vocês não fazem nem idéia de como Deus tem trabalhado em minha vida.Ele me amadureceu muito, falou muito ao meu coração.Cumpriu-se o que o salmista fala no Salmo 40: “tirou-me dum lago horrível, dum charco de lodo; pôs os meus pés sobre uma rocha...”.Foi lindo!
Ele foi pouco a pouco trabalhando em minha vida, tirando todo o embaraço que me cercava.Poderia ter tirado logo, mas ele quis assim, quis que eu aprendesse, tivesse experiência; um coro é uma pequena sociedade, onde acontecem muitas coisas similares a ela.Eu aprendi a conviver com as pessoas, a ouvir de novo a voz de Deus, a entender sobre o A importância do Reino de Deus, e o malefício que é o Reino de Satanás.Aprendi a cooperação, a dar importância às coisas espirituais; era um pouco exagerado em algumas coisas, mas não chegava a ser um mal em si.O coral tem me ensinado muito; aprendi com eles muito mais do que eles comigo ( se é que eu ensinei alguma coisa).Esses anos têm sido os melhores de minha vida.Foi quando eu comecei a viver, depois que voltei para Cristo e entrei no coro.O Espírito Santo me impeliu a isso, como Ele impelia Sansão “de vez em quando para o campo de Dã, entre Zorá e Estaol”. Ele queria trabalhar em mim no coro, e como trabalhou.
Lembro que eu não entrei logo, demorou um pouco, mas eu insisti, pois o Consolodor me impulsionava muito.Digo com toda a certeza que valeu à pena.Deus me moldou muito bem, pôs-me numa bela fôrma, criou em mim um coração reto diante dele.De marionete de Satanás, virei um vaso de honra, um vaso de glória.Conforme a sua imagem, eu sou o que sou hoje; preciso melhorar muito, mas a obra que ele fez em mim ninguém faria melhor, ninguém conseguiria chegar nem perto.Tive vitórias incríveis.Deus tem me enriquecido muito, tem me dado jóias muito preciosas.Voltei a fazer poesias depois que tive vontade de entrar no coro ainda desviado do caminho celeste.Lembro da emoção que foi quando a gente cantou na Josélia e eu cheguei em casa com o coração inspirado e compus o poema “Porque sou Life”; foi muita emoção para mim.Daí comecei a fazer muitas outras, para a glória de Deus.
Quando estudamos literatura, a gente se depara com uma escola literária chamada